Carreira

Como se cadastrar para atender por plano de saúde?

Como se cadastrar para atender por plano de saúde

Uma das principais questões para um profissional da área médica é o campo de atuação. Enquanto alguns optam por prestar concursos públicos e trabalhar no Sistema Único de Saúde (o nosso famoso SUS), outros preferem o setor privado.

Dentro da iniciativa privada estão os convênios médicos e por isso é importante saber como se cadastrar para atender por plano de saúde, principalmente para aqueles que desejam empreender e abrir suas próprias clínicas.

Segundo dados recentes da Agência Brasil, cerca de 49 milhões de brasileiros possuem algum plano de saúde, o que dá praticamente ¼ das pessoas do nosso país. Esse número é bastante expressivo.

A perspectiva de uma boa remuneração por atendimentos e trabalho frequente atrai diversos médicos, o que os leva a entrar no mercado das operadoras. Nesse artigo, mostraremos um pouco do que é necessário para se cadastrar e atuar dessa forma no setor privado.

Leia também: Qual é a importância da microbiota humana?

O que é o credenciamento para atender por meio do plano de saúde?

Quando você pesquisa sobre como se cadastrar para atender por plano de saúde, isso significa que vai oferecer os seus trabalhos médicos (como clínica ou profissional) para os clientes de uma determinada empresa.

Nessa troca, você é incluído no catálogo de médicos e receberá a demanda do plano em questão.

O cadastro junto a um plano de saúde pode ser feito tanto por pessoas físicas (os profissionais autônomos em si) quanto por empresas (um consultório médico). Para cada uma delas as regras e documentos pedidos são diferentes.

Médicos e clínicas podem estar associados a mais de um plano de saúde, sem uma limitação. O tempo da parceria e a renovação do cadastro dependem de contratos estabelecidos previamente, o que requer bastante atenção.

Antes de se credenciar com uma operadora, faça uma boa pesquisa. Se possível, converse com profissionais associados e tente obter dicas e informações.

A partir daí, você poderá tomar as decisões mais adequadas em cada uma das etapas posteriores.

Aprenda como se cadastrar para atender por plano de saúde

Tomada a decisão para credenciar o seu serviço a um convênio médico, é preciso reunir as documentações necessárias.

A documentação obrigatória exigida depende de cada plano, então basta que você entre em contato e siga as instruções dadas pela operadora escolhida.

Os documentos mais frequentemente pedidos são:

  • Cadastro de Constituinte Mobiliário (CCM);
  • Imposto sobre Serviço (ISS);
  • Certificado junto ao Conselho Regional de Medicina (o CRM);
  • Currículo;
  • Diploma;
  • CPF;
  • Títulos de especialização;
  • Comprovante de conta bancária.

Se você quiser cadastrar o seu consultório, serão necessários alguns papéis a mais, como o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES) e informações do local de atendimento, como localização, horário de funcionamento, especialidade e outras coisas.

Avalie bem as operadoras

Um cadastro para atendimento no plano de saúde é um passo que envolve seriamente a sua carreira. Depois de tanto trabalho duro, a última coisa que você quer é ver o seu nome associado com más práticas, certo?

Não basta apenas saber como se cadastrar para atender por plano de saúde, pois isso requer muita reflexão e cuidados.

A sua intenção é oferecer os melhores cuidados possíveis, mas nem todas as empresas possuem os interesses dos pacientes e dos médicos em mente.

Considere as possibilidades de remuneração justa e o atendimento profissional ético. Embora o seu trabalho faça parte de um negócio e o lucro seja um dos objetivos, nenhuma empresa deve comprometer os seus princípios. Se esse for o caso, não se associe. 

O SUS é uma possibilidade

Apesar de ser um órgão público, é possível prestar serviços para o Sistema Único de Saúde (SUS) de maneira bastante similar àquele feito com operadoras. As exigências diferem, mas a parceria pode ser tão (ou às vezes mais) benéfica quanto.

Para clínicas, basta ficar atento à abertura de editais específicos e inscrever-se.

A remuneração do consultório, nesse caso, vem dos cofres públicos para o atendimento gratuito aos pacientes.

Outras considerações do atendimento por convênio médico 

Os maiores benefícios ao saber como se cadastrar para atender por plano de saúde são a expansão do atendimento e a fidelização de pacientes, o que pode ser uma dificuldade para clínicas ou médicos independentes.

Embora os valores das consultas sejam mais baixos, a constância costuma compensar.

Esse tipo de parceria possui seus prós e contras, muitos dos quais estão interligados. Cadastrar-se em um plano de saúde aumentará consideravelmente o seu número de atendimento, o que fará crescer a sua renda, mas também suas horas de trabalho.

A remuneração não costuma ser imediata, podendo levar até 60 dias. É preciso então ter uma boa estabilidade e planejamento financeiros, a fim de se manter até que as coisas se ajustem e você comece a ver as vantagens monetárias do cadastro realizado.

Por fim, é importante considerar que, apesar da atuação médica por planos de saúde ter suas peculiaridades, o foco continua sendo o paciente. Pessoas que buscam o SUS e aquelas que possuem convênios merecem o mesmo atendimento de qualidade.

Considere seus objetivos e se esforce para oferecer o melhor cuidado possível para todos aqueles que o procurarem. O atendimento médico não é fácil, mas contribuir para a qualidade de vida das pessoas é inestimável.

Quer receber novas dicas e saber sobre a abertura de novos treinamentos médicos? Siga nosso perfil no Instagram!

Você viu acima como se cadastrar para atender por plano de saúde. Este conteúdo foi criado pela redação do Centro de Desenvolvimento em Medicina (CDM), uma nova marca de treinamentos para profissionais da saúde.

Aqui no CDM você pode avaliar os cursos de especialização para Médicos com matrículas abertas e iniciar já a sua formação no tema escolhido.

Veja mais:

Doenças relacionadas ao sistema cardiovascular

O que é esclerose subcondral?

Em alta

O que é esclerose subcondral?

Doutor, você já ouviu a falar sobre a Esclerose Subcondral? Ela é uma doença óssea muito comum. Mas, você sabe como diagnosticá-la? Entenda!

Ler matéria

Quais são os 4 tipos de hipersensibilidade?

Considerada como um distúrbio, a hipersensibilidade pode ocasionar diversos danos graves ao seu paciente. Confira os 4 principais tipos!

Ler matéria

Quais são os planos de delimitação do corpo humano?

Você sabia que o corpo humano é referenciado de acordo com três planos mutuamente ortogonais? Confira quais são os planos de delimitação!

Ler matéria

O que é arritmia supraventricular isolada?

A Arritmia Supraventricular Isolada é uma condição cardíaca que afeta o ritmo do coração e suas variações. Conheça os riscos e tratamentos!

Ler matéria

Como coletar gasometria arterial?

Está com dúvida de como coletar a gasometria arterial? Ela é realizada por meio da punção na artéria do paciente. Saiba dominar essa técnica!

Ler matéria

Quais doenças o exame FAN detecta e quando solicitar ao paciente?

Feito a partir da análise de uma amostra de sangue do paciente o exame FAN ajuda a diagnosticar doenças autoimunes como a lúpus. Saiba mais!

Ler matéria

Outras matérias

Quantas residências um medico pode fazer

Quantas residências um médico pode fazer? Existe um limite?

Está planejando mudar sua especialidade médica? Confira quantas residências um médico pode fazer e se há um limite para essa prática!

Quantos anos é a residência de neurocirurgia

Quantos anos é a residência de neurocirurgia?

Você conhece a residência em neurocirurgia? Essa especialidade trata das intervenções no sistema nervoso. Veja quantos anos é a especialização!

Questões de prova de residência médica

Treine com questões de prova de residência médica

Pretende ser aprovado na residência médica? Conheça as áreas da medicina que mais caem na prova e comece a treinar com 6 questões. Confira!

O que é R3

O que é R3? Entenda este conceito na residência médica

Você sabe o que é R3? Trata-se de uma etapa crucial na capacitação de um residente em medicina. Conheça as especializações e a duração!